Como fazer marketing para pequenas e médias empresas

Pequenos e médias empresas enfrentam dificuldades na hora de realizar ações de marketing, resultando em investimentos mal aplicados e retornos ruins.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Ao falar sobre marketing com pequenos negócios é comum ouvir relatos de experiências onde o alto valor de investimento necessário e a falta de resultado são encarados como grandes vilões e provocam a descrença do empreendedor em pensar em ações para seu negócio.

“Fazer marketing” como é popularmente chamado, é uma tarefa acima de tudo estratégica, que demanda uma visão clara de objetivos, clientes e expectativas alinhadas ao momento do negócio e suas limitações.

O principal passo é pensar sempre na importância de se realizar ações de marketing e destinar um orçamento para isso. A evolução de seu negócio dependerá de clientes e ter uma parcela financeira destinada à essa parte essencial garantirá melhores resultados.

Tão importante quanto destinar um orçamento para marketing, é a forma correta de aplicar esse investimento para obter o maior retorno possível.

Sendo assim, reúno algumas dicas para começar hoje a fazer marketing em seu negócio:

1 — Analise os pontos positivos e negativos do seu negócio (interno/externo)

A melhor forma de realizar estratégias assertivas em marketing e comunicação é entendendo o ambiente em que seu negócio está inserido, suas limitações e oportunidades. Conhecer os principais concorrentes e como eles se comportam no mercado, os tipos de produtos/ serviços que os diferenciam são essenciais para melhor se posicionar e destacar-se. Outro ponto importante é conhecer as limitações de seu negócio (tais como físicas, financeiras, mão-de-obra…) para poder criar um plano de ação para minimizá-los.

2 — Defina os objetivos de seu negócio

Foque no objetivo principal de seu negócio com clareza e caminhos para alcançá-lo. Defina a essência de seu negócio para que não perca-se no meio do caminho. Uma dica é responder a 3 pequenas perguntas:

  • O QUE: Saber o que exatamente sua empresa faz, para quem faz e se faz sentido para esse cliente que deseja atingir.
  • COMO: Você definirá a forma de trabalho do seu negócio — formas, comportamentos que nortearão como o negócio e as pessoas dentro dele devem agir e produzir.
  • POR QUE: Tenha em mente o real objetivo da existência de seu negócio, os principais motivadores, propósito maior, uma crença ou causa — Ganhar dinheiro deve ser resultado disso.

3 — Planeje as ações

Tenha uma visão geral do que seu negócio precisa realizar para atingir o objetivo principal de sua empresa. Mapeie ações que possa realizar dentro das limitações existentes e estabeleça metas a serem alcançadas com tudo que propor. Uma dica importante é manter um calendário com todas as ações que deseja realizar agendadas para a produção com antecedência, tais como datas especiais para o negócio, datas comerciais, promoções e etc. É importante a antecedência para que possa contatar os fornecedores necessários para a realização da ação, como por exemplo: Designer, Gráficas ou agência de publicidade.

4 — Potencialize suas parcerias regionais

Uma maneira de fortalecer sua presença regional é a realização de parcerias estratégicas com outros negócios próximos ao seu e frequentado pelo mesmo cliente que atende. Como sugestão você pode sugerir troca de divulgação (ex: deixar seu cartão de visitas no estabelecimento e em seu negócio deixar o cartão do parceiro), realizar promoção de brindes/ % de desconto para os clientes do local e etc.

5 — Otimize investimentos

Distribuir investimentos corretamente é um dos principais pontos de atenção para o sucesso no retorno financeiro, sendo importante a seleção inteligente das ações a serem realizadas de acordo com o custo x benefício. Para auxiliar nas melhores escolhas, tenha em mente dois pontos:

  • Conheça seu cliente: Conhecer quem compra seus produtos é a maneira correta de direcionar seus investimentos a pessoas certas e evitar o desperdício com perfis que não comprariam seu produto. Saiba informações sobre o seu cliente, tais como: sexo, idade, comportamentos, estilo de vida e necessidades. Com essas informações saberá onde encontrá-lo e como chamar sua atenção.
  • Concentre os esforços de marketing: Pequenos e médias empresas possuem baixo orçamento para realizar uma grande variedade de ações ao mesmo tempo. Sendo assim, concentrar seus esforços em uma única ação de maior perspectiva de resultados e potencialize as chances de obter sucesso.

6 — Mantenha históricos e mensure os resultados

Tão importante quanto todo o processo de marketing é mensurar os resultados e manter históricos para futuras decisões. Mensurar os resultados é olhar para o objetivo estabelecido e entender o quanto dele foi alcançado, e se o investimento financeiro para aquela determinada ação foi positiva. Junto a isso, manter o histórico das ações realizadas para que possa avaliar se valerá a pena realizar novamente, se deve fazer mudanças ou substituir por outras ações.

Fazer marketing não é uma receita pronta. Os resultados são consequências da aplicação correta dos processos, aperfeiçoamentos e visão do empreendedor em manter-se resiliente e focado nos objetivos da empresa.

Rodolfo Lugli é especialista em marketing e comunicação pela ECA-USP e atua como consultor para o desenvolvimento de pequenos e médias negócios de diversos segmentos, com foco na inovação por meio da tecnologia. É CMO/ Co-founder da Marketic uma ferramenta online que ajuda pequenas e médias empresas a ter um departamento de marketing e construir negócios competitivos e financeiramente sustentáveis. Conheça mais em www.marketic.com.br

ASSINNE NOSSA NEWSLETTER

atendimento via whatsapp